Ajude Sempre

solidariedade

Diante da noite, não acuse as trevas. Aprenda a
fazer lume.

Em vão condenará você o pântano. Ajude-o a
purificar-se.

No caminho pedregoso, não atire calhaus nos
outros. Transforme os calhaus em obras úteis.

Não amaldiçoe o vozerio alheio. Ensine alguma
lição proveitosa, com o silêncio.

Não adote a incerteza, perante as situações
difíceis. Enfrente-as com a consciência limpa.

Debalde censurará você o espinheiro. Remova-o
com bondade.

Não critique o terreno sáfaro. Ao invés disso, dê-
lhe adubo.

Não pronuncie más palavras contra o deserto.
Auxilie a cavar um poço sob a areia escaldante.

Não é vantagem desaprovar onde todos
desaprovaram. Ampare o seu irmão com a boa
palavra.

É sempre fácil observar o mal e identificá-lo.
Entretanto, o que o Cristo espera de nós outros é
a descoberta e o cultivo do bem para que o
Divino Amor seja glorificado.

Autor: André Luiz
Psicografia de Francisco Cândido Xavier

Anúncios
Esse post foi publicado em artigos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s