Sexo – por Ramatis – parte II

chakras

PERGUNTA: Poderíeis dar-nos os motivos fundamentais de o homem sofrer por longo tempo a ação do sexo, em lugar de outros impulsos até mais atuantes como a ambição, o orgulho e o egoísmo?

RAMATÍS: A energia sexual é realmente a força propulsora da vida humana, porque, já vo lo dissemos, é a fonte da criatividade em seus diversos aspectos e frequências, conforme os planos e campos da atividade onde atua. Mas, é como o fogo controlado aquece, ajuda e cria; porém, descontrolado, produz o incêndio. Conseqüentemente, o homem, pelo abuso do sexo, consome indevidamente essa energia criativa que, às vezes, se manifesta como ambição, orgulho e egoísmo, e deve ser usada com harmonia, segundo as necessidades, jamais de forma insensata.

PERGUNTA: Porventura, todo abuso de energia criada por Deus é imediatamente castigado?

RAMATÍS: No Universo, não existe a noção de tempo humana. Citemos um exemplo: quando, um motorista abusa, ultrapassando a velocidade facultada, é multado como infrator, quer por causar perigos aos demais veículos na mesma estrada, quer porque arrisca a sua vida. Logicamente, não foi castigado pela infração em si, mas pelas conseqüências da sua desobediência, pela imprudência e porque sabia de, antemão, dos resultados. O homem não pode alegar ignorância porquanto vem sendo advertido, através de instrutores, princípios religiosos e filosóficos, de que será sempre infrator pelo abuso do sexo, e não pelo uso; não pode se queixar ou protestar, quando deve ajustar-se corretamente à técnica do correto emprego da energia sexual.

PERGUNTA: Quais seriam os piores resultados do excesso de atividade sexual para o homem, na atual graduação espiritual terrena?

RAMATÍS: Considerando-se não ser a energia sexual, exclusivamente, um elemento criativo na composição física, porém, fonte de outras manifestações anímicas e, segundo a Yoga, ela pode ser sublimada ou ativada por valores morais superiores e, vitalizada, irriga o cérebro do homem, proporcionando-lhe a maior capacidade criativa em suas tendências estéticas no campo da música, da pintura, da escultura, da poesia ou da literatura, e o seu abuso tende a rebaixá-lo mental e evolutivamente ao nível do animal. Eis o motivo por que muitos estudantes da Yoga aprendem a controlar e dominar o energismo do fluido sexual do “chacra” kundalíneo e o ativam mentalmente, em direção ao cérebro, em conjugação com o “chacra” coronário, obtendo um energismo de freqüência superior e capaz de irrigar lhes o sistema neuro-cerebral numa criatividade superior 1. Sob tal prática, dirigida pelo intelecto disciplinado e dinamizado pelo controle espiritual, verifica-se ser o fluido sexual uma energia benfeitora, pelo uso seletivo e, também, capaz de escravizar o homem pelo excesso, no campo das paixões subalternas.
À medida que o espírito evolui, apercebendo-se da realidade da vida imortal superior e definitiva, e esse senso crítico, discernimento e responsabilidade são preponderantes, passa a moderar-se na prática sexual, porquanto os seus interesses requerem maior cota de energia para suprir as necessidades mentais e, assim, as mobiliza do reservatório criativo do metabolismo sexual.

1) N. do Médium: Embora Ramatís tenha elucidado alguns membros do nosso grupo de estudos, quanto à técnica da Krya-Yoga, que proporciona o ensejo dessa sublimação da energia sexual, não nos foi autorizado torná-la pública, salvo breve notificação. Vide a obra “Autobiografia de um Yogue Contemporâneo”, por Paramahansa Yogananda, edição da Self Realization Fellonship, principalmente, no capítulo “A Ciência da Kriya Yoga”, que reponta noções dessa prática louvável.

Do livro: “Sob A Luz do Espiritismo” Ramatís/Hercílio Maes – Editora do Conhecimento.

Anúncios
Esse post foi publicado em artigos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s