Allan Kardec um grande Professor….

kardec2

Allan Kardec, o Codificador

 

A vida e a obra de Allan Kardec, o sistematizador da Doutrina Espírita, foram objeto de profundas pesquisas de seus biógrafos, em trabalhos notáveis, na França e no Brasil.

Sua personalidade conquistou reconhecimento, a gratidão e a admiração de milhões de seres humanos que se beneficiam continuamente do que realizou como grande missionário da Terceira Revelação.

Têm os espíritas plena consciência de que a Nova Luz procede da Espiritualidade Superior, como o Cristo de Deus à frente de uma plêiade de Espíritos escolhidos para dar cumprimento à vinda co Consolador prometido por Jesus.

Mas sabem também que a corporificação, no mundo dos homens, do plano da Espiritualidade Superior exigia um mediador humano, um trabalhador com excepcionais qualidades para a missão de grande responsabilidade, que se caracterizasse também pela fidelidade ao compromisso.

O professor Rivail- Allan Kardec- foi esse medianeiro fiel.

Interpretar para um mundo inferior, num corpo doutrinário coerente, extremamente abrangente, como é a Doutrina Espírita, que vem inovar, renovar e implantar conhecimentos novos que contrariam velhas e arraigadas concepções religiosas e filosóficas sobre Deus, o Universo e o homem- eis resumidamente, a tarefa gigantesca aceita e executada pelo Codificador.

Acresce que o objetivo da missão, por sua natureza, não poderia ser imposto, através dos poderes instituídos pelos homens.

Trabalho essencialmente de esclarecimento, de concepções novas, de conhecimento íntimo de cada ser, teria que se desenvolver junto das almas, demandando de seu responsável preparo intelectual, método apropriado, segurança nas convicções, repulsa tanto à ingenuidade quanto à credulidade, numa palavra- o bom senso, imperando em todas as circunstâncias.

O Codificador reconstruiu, assim, o edifício da crença baseada na realidade, oferecendo à civilização atual bases morais e religiosas fundamentadas e seguras com fulcro na Fé iluminada pela Razão, no Amor da criatura ao Criador acima de tudo e ao seu próximo como a si mesma.

Allan Kardec, na grandeza de sua missão bem cumprida, iniciou a Era Espírita-Cristã, que poderá atingir todos os quadrantes deste Planeta com a Luz do Consolador.


Revista Reformador, Março de 2001.

Salve Kardec

Sobre a Terra de sombra e de amargura
A treva espessa e triste se fizera.
A Ciência e a Fé nas asas da quimera
Mais se afundavam pela noite escura.

A alma humana de então se desespera,
E eis que das luzes místicas da altura
Desce outra luz confortadora e pura,
De que o mundo infeliz se achava à espera.

E Kardec recebe-a, sobre o abismo
Espalhando as lições do Espiritismo,
Em claridades de consolação.

Emissário da Luz e da Verdade,
Entrega ao coração da Humanidade
A Doutrina de Amor e Redenção.

 

Pelo Espírito Cornélio Pires

Francisco Cândido Xavier. Da obra: Doutrina e Vida

Anúncios
Esse post foi publicado em artigos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s